A Arte da Guerra Contemporânea

Os deuses ficaram sabendo que haveria, depois de mais de 60 anos, uma nova batalha histórica dentro do território de ninguém menos que o mais poderoso de todos os deuses.

Não pensaram duas vezes: se armaram até os dentes e derrubaram, um a um, os semideuses aspirantes a titãs e alguns meros mortais que encontraram pelo caminho para alcançar o campo de batalha. Nenhum deles queria deixar escapar a oportunidade única de provar aos outros, dentro da casa do mais forte e inclusive contra o próprio, que o céu tinha um novo e mais poderoso líder.

Alguns tiveram mais dificuldade, outros não precisaram se esforçar para chegar à Terra Prometida das Guerras.

Fato é que essa batalha era tão importante e tão almejada por todos os seres que, pela primeira vez desde os primórdios das grandes batalhas, todos os grandes deuses, sem exceção, chegaram juntos às trincheiras.

Os céus se regozijaram: não poderia haver melhor cenário nem melhores guerreiros para um embate tão aguardado!

Sejam bem-vindos à maior batalha de todos os tempos, titãs do futebol. Mas não se animem demais: quem manda aqui é e continuará sendo o mais forte de todos! Brasil, sil, sil!!

Atila Cavalcante
http://www.atilac.com.br

(Publicado também em http://www.facebook.com/atilac)

Finalmente, o segredo é revelado! Pexerica é…

Segundo alguns sites encontrados pelo Google, Pexerica é uma planta de flores escarlates, cujas folhas são verdes de um lado e roxas do outro.

Finalmente, o segredo foi revelado, depois de quase 12 anos tentando descobrir o que é. E não, suas mentes imundas, não tem relação com nada pornográfico.

Meses atrás, o Google não trazia nenhum site que tivesse o significado da palavra. Procurei até em sites de dialetos indígenas, mas nada. E apesar de constar agora em alguns sites (com créditos para um tal de “Dicionário Candido de Figueiredo”), ainda não há nada no Houaiss.

Tudo isto para inaugurar o meu novo blog, batizado de Pexerica, que tem como meta me ajudar a resgatar o prazer da escrita e recuperar um histórico antigo de posts que tenho de blogs de outros carnavais.

Links:

http://www.dicio.com.br/pexerica/

http://www.dicionario-aberto.net/search/pexerica

http://dicionariorapido.com.br/pexerica/

Quem somos? (ou “Por que Deus não existe”)

Se Einstein estava certo (e todas as pesquisas até agora mostram que estava), e=mc² (energia é igual a massa vezes o quadrado da velocidade da luz).

Se energia é massa, e vice-versa, então tudo no universo é energia.

Se tudo no universo é energia, então o ser humano é energia. Não pura, pois passou por transformação para se tornar massa, mas ainda assim é energia.

Prazer, eu sou energia – assim como você, seus pais, seu cachorro, as plantas, a água, enfim tudo.

Assim como esse outro ser que cada povo chama por um nome (afinal, dizem que o homem foi feito à imagem e semelhança desse tal… o que não é de todo errado se fizermos uma interpretação mais “palpável” da origem do homem a partir da fórmula elaborada por Einstein).

Isso significa que todos somos do mesmo “lugar”, formados por uma mesma coisa. Somos essencialmente irmãos, não no significado religioso do termo, mas porque o material do qual somos feitos é o mesmo desde sempre, desde o início: energia.

Precisamos sempre lembrar que energia não é boa nem ruim, ela apenas é. A interpretação e o seu uso são responsabilidades nossas. Por isso não faz sentido acreditar que um outro ser nos guia, nos observa, nos pune, nos premia.

Tudo o que vem depois de a energia se transformar é fruto dessa massa às vezes linda, inúmeras vezes repugnante, chamada homem.

Acredito profundamente que, quando cada um de nós tiver isso em mente, metade dos problemas que alguns homens têm com outros estará a meio passo de ser resolvido.

(Publicado posteriormente no meu perfil do orkut.)

A bateria do iPhone 3G é melhor que dos outros!

Até que enfim, encontrei uma matéria que compara maçã com maçã.

Todas as outras que reclamam da bateria comparam o aparelho com outros que não são 3G. Ou seja, maçã com abobrinha.

iPhone 3G: vale a pena?

De tudo o que já li sobre o iPhone 3G, incluindo algumas resenhas e testes, o resumo é o seguinte:

1 – se você não tem nenhum, compre o 3G;
2 – se você tem o primeiro, mas sofre com a conexão EDGE, troque pelo 3G;
3 – se você tem o original e quer ter acesso ao sistema operacional iPhone 2.0, não se preocupe, pois você poderá baixar a atualização;
4 – se você acha que o áudio do primeiro é ruim, troque pelo 3G, o dele é melhor;
5 – se faz questão de aGPS, troque ou compre o 3G.

Simples assim.

Apple: nem 8 nem 80. Mas bom mesmo assim

Nem 8 nem 80, mas bons. Foram assim os anúncios da Apple na WWDC deste ano.

Das previsões abaixo, vamos ver quais se confirmaram:

- Um novo iPhone: com tecnologia 3G, câmera de 5 megapixels atrás, uma na frente para video-conferência, iChat embutido, aparelho em novas cores, mais fino e com tela maior;

- iChat para Windows:
assim os usuários de Windows poderão bater papo com os donos de
iPhones. E FINALMENTE quem tem Mac poderá fazer video-conferência com
usuários de Windows sem usar o Skype (aMSN não conta porque não
funciona);

- iPhone integrado com Microsoft Exchange: para conquistar o mercado corporativo de uma vez;

- iPhone integrado com Microsoft ActiveSync: nem tudo precisará ser feito com o iTunes (duvido disto). Realmente não é preciso fazer tudo via iTunes, pois agora existe o MobileMe, nova versão do Mac.com.

- Versão alfa ou beta do próximo Mac OS X: o codinome deste, por enquanto, parece ser Snow Leopard.

Tudo isto só prova duas coisas: 1) os “analistas de mercado” não
sabem mais do que aqueles que acompanham a Apple de perto e 2) não é
nada fácil ser Nostradamus.

O que esperar da WWDC de hoje?

- Um novo iPhone: com tecnologia 3G, câmera de 5
megapixels atrás, uma na frente para video-conferência, iChat embutido,
aparelho em novas cores, mais fino e com tela maior;

- iChat para Windows: assim os usuários de Windows
poderão bater papo com os donos de iPhones. E FINALMENTE quem tem Mac
poderá fazer video-conferência com usuários de Windows sem usar o Skype
(aMSN não conta porque não funciona);

- iPhone integrado com Microsoft Exchange: para conquistar o mercado corporativo de uma vez;

- iPhone integrado com Microsoft ActiveSync: nem tudo precisará ser feito com o iTunes (duvido disto);

- Versão alfa ou beta do próximo Mac OS X: o codinome deste, por enquanto, parece ser Snow Leopard.

Esta segunda-feira vai ser divertida!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.